Quantas não são as vezes que nos pegamos pensando, é um conflito interior tão grande que parece que vamos enlouquecer.  São cobranças e mais cobranças.

A cabeça diz:  Não é assim e o nosso coração vai se atire viva o momento…

Quantas não são as vezes que nos pegamos pensando, é um conflito interior tão grande que parece que vamos enlouquecer.  São cobranças e mais cobranças.

A cabeça diz:  Não é assim e o nosso coração vai se atire viva o momento…

E tudo que queremos é ser felizes!

Caminhamos a um passo de gritar e dizer CHEGA!

Calma respire fundo, sei que não é fácil! Deixamos nos envolver por tantos sentimentos e por consequência gritamos sem querer gritar, choramos, falamos coisas das quais não deveríamos falar somos uma bomba relógio prestes a explodir.

Mas sinceramente o que essas atitudes impulsivas vão nos acrescentar a não ser, deixar nos frustadas e arrependidas pensando não deveria ter agido assim!

Devemos calar esses sentimentos interiores, porque se o coração realmente pensasse ele estaria na cabeça e não no peito rs. Perdoe-me parece engraçado mas  é uma realidade!

Todas as vezes que tomei uma atitude pelo momento, baseada na emoção eu me arrependi depois. Seja no meu casamento, na vida financeira, na criação dos meus filhos enfim…

Devemos estar sempre atentas pensando antes de falar, observando se é o momento certo de colocar nossa opinião ou até mesmo se estamos fazendo isso da maneira correta.

Um exemplo disso é a frase: “Respeito não é algo imposto e sim conquistado!”

Acho que fala tudo essa frase.

Prova disto esta dentro da nossa própria casa quando uma conversa, gera uma discussão, que gera uma briga e que gera um desentendimento e as lágrimas vem, a raiva toma carona e lá esta nosso coração tomado pelo conflito e tristeza.

A arrogância espeta um pouco porque “eu” estou certa a outra pessoa é a errada e ela deve vir a mim pedir desculpas se não eu não vou!

Humm será que eu deverei ter mentido ao meu chefe para me livrar daquele problema? Ah mas era só uma mentirinha!

Será que eu vou conseguir…ai ai, será?

Eu amo tanto meu esposo mas será que devo ficar com ele, será que vale a pena?

Conflitos e não são poucos!

Mas você é quem escolhe vivencia-los ou dar um basta agindo pela mente não pelos seus sentimentos! Lembre-se é do coração que partem nossos maiores conflitos interiores.

 

Anúncios